segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Mais essa

Foram dois endocrinologistas e uma cirurgiã de cabeça e pescoço. Uma biópsia, feita com os pequenos tumores (eram pequenos mesmo) retirados de minha falecida tireóide. Quase dois anos da descoberta do câncer. É muito tempo, né. Tudo isso pra eu descobrir que um dos pequenos tumores estava começando a se comportar como agressivo, e que ele não estava encapsulado - ou seja, estava começando a querer se espalhar.

Isso estava lá na biópsia, que dois médicos e a cirurgiã leram. Mas nenhum deles me contou isso. Estou há dois anos lidando com a terapia hormonal, com o controle do TSH, mas sem saber que um dos tumores era o Voldemort ressuscitado, e não o Voldemort no começo da saga HP.

Descobri isso na terceira médica, que olhou a biópsia, e já me soltou essa bomba. "Mas você não sabia?" Não, não sabia. "Mas você já fez a cintilografia, não fez?" Não, não fiz, os médicos anteriores acharam desnecessário porque meu nível de tireoglobulina é baixo. "Mas a cintilografia e a iodoterapia são parte do tratamento do câncer! Não tem motivo para excluí-las" Pois é, doutora. Taí o motivo da senhora ser a terceira médica em dois anos. Eu sabia que tinha que fazer essas coisas, mas não posso entrar louca no hospital falando "me dá uma pesquisa de corpo inteiro pra agora, por gentileza"

Já fiquei brava, já me acalmei, já fiquei muito preocupada e chorei, já me acalmei de novo. Hoje eu já chorei, mas passou. Lá vem o pessoal do "deixa disso" me dizer que nem devo me preocupar, que vai ser tranquilo o exame, a iodo também, e bla bla bla.

Olha só. Eu sei que não vou morrer. E que se o câncer tiver espalhado, o iodo radioativo mata essa merda. Mas eu não queria ter que lidar com isso depois de dois anos. Eu queria estar livre de ter que passar por tratamento. Eu queria nunca nem ter tido essa caralha; mas já que tive, já que fiz cirurgia, já que estou há dois anos super controlada nos hormônios, eu queria que agora eu estivesse realmente despreocupada, dentro do possível.

Para a cintilografia tenho que entrar em hipotireoidismo. Parei de tomar o remédio, e a partir dessa semana entrarei em dieta - não posso consumir iodo, mas tudo tem iodo. Então uso sal especial e só posso comer em casa. O hipo deixa a gente mole, cansada, lerda, com memória fraca. Tudo que não preciso é ficar cansada e lerda agora.

Continuo super consciente de que isso tudo aí que contei é nada perto de quem faz quimioterapia. Ainda assim, a preocupação é grande. E que médicos são esses? Tive que passar por 3 pra conseguir o pedido do exame que eu deveria ter feito no começo do ano passado. Passar por tudo isso agora é pensar que ainda pode existir horcrux no meu corpo. Achei que tivesse dado um avada kedavra definitivo, mas o Voldemort é mesmo muito engenhoso.

3 comentários:

dionete bugyi-zande disse...

leio vc falando de cintilografia, hipo, hiper, TSH e parece que estou revendo um filme passado em 95. not funny :(

estou torcendo muito por vc, moça. força!

Dáfni disse...

Também torcendo por vc, Camila! E vamos combinar que a medicina brasileira tá uma merda mesmo. Vejo casos de negligência a todo momento.

Beijos

.cleozinha. disse...

força, camila!