sábado, 27 de janeiro de 2007

Emeésseene e os contatos de gente quase desconhecida

Sabe aquelas pessoas que, por obra de uma noite de embriaguez, de um amigo ou erro do destino estão no seu MSN? Aquelas pessoas que não são tão amigas, outras que nem são mesmo, que estão ali há tempos e com quem você não faz questão alguma de falar? Meu MSN estava cheio delas. E se elas estivesse ali e ficassem quietas, ok, elas já estavam na categoria "never" da minha lista de contatos. Mas não, elas cismavam em vir me perguntar quais eram as novidades e ainda reclamavam quando eu demorava pra responder. "Ei, me deixou falando sozinho? :-(" - não amigão, é que estou ocupada penteando meu pônei de brinquedo.

Percebam que eu usei verbos no passado. Porque desde hoje essas pessoas passaram a integrar a linda lista dos deletados. Viva. Não faz sentido que eu reclame dos contatos nada a ver do MSN e os deixe lá. A "errada" aí sou eu: as pessoas querem conversar, eu estou na lista delas. Eu é que não quero resumir a minha vida nos últimos três meses em um parágrafo pralgum miguxo que fica perguntando "e aí, muitas novidades?". Meu nome não é Paris Hilton, gato. Não há tanto agito rolando. Se bem que depois dessa limpa eu perdi a oportunidade de dar respostas do tipo "tenho sim, hoje meu aluno tirou 9 na prova" ou "ah, claro, depois de 3 dias de prisão de ventre finalmente eu consegui ir ao banheiro". A pessoa pediu por novidades, só não especificou de que tipo.

Para fazer essa faxina utilizei critérios muito justos: se eu tenho vontade de conversar com a pessoa e até quem sabe sair pra tomar uma cerveja, fica na lista. Se eu prefiro ler a previsão do tempo e ficar em casa assistindo a novela do Manoel Carlos a cogitar uma cervejota/cinema/boteco/passeio no parque com a pessoa, está fora. Prático, rápido, e tendencioso, assim como a vida.

Porque eu tenho miguxos queridos de perto e de longe com quem eu realmente quero conversar pelo MSN e eu não quero ser incomodada com gentalha. Intolerância faz parte do meu show.

6 comentários:

Quinho disse...

Caramba! Agora tô com muito medo de entrar no seu msn e depois ser jogado fora. Não lido muito bem com rejeições.

Chu disse...

Nah, Quinho, deixe de chorrumelas.

Klein disse...

Não é EXATAMENTE o mesmo caso, mas tem uma coisa que me da coceira: quando alguém quer iniciar ou manter uma conversa perguntando "e aí? Novidades?" Assim, com a palavra "novidade" mesmo. Pra mim parece tão "não tenho nada pra dizer e nem você"... um amigo meu sempre faz isso e eu sempre quero morrer...

Suzana disse...

Ai, até que enfim vc parou de bichice. Já virei leitora assídua. Deleto pessoas do msn diariamente. Só quis dizer.

lilla disse...

Eu não deleto, mas deixo lá mofando.
Sim, eu devia deletar.

Alê disse...

Ufa! Passei incólume pela sua faxina, visto que nos falamos ontem pelo MSN. :)
Eu vivo fazendo faxinas. Faxinei um monte de gente do meu Orkut no ano passado. Aleás, tou precisando fazer isso de novo, viu!
Beijoca.