domingo, 15 de abril de 2007

Paulo Leminski

"Tão doce, tão cedo
Tão já
Tudo de novo vira começo"

:-)

Chega, né?!

4 comentários:

1worklover disse...

E por onde a gente começa?

"Where do I begin
To tell the story of how great a love can be
The sweet love story that is older than the sea
The simple truth about the love she brings to me"

o.o

chu disse...

Ah, mas minha intenção não é falar de amor não, embora possa parecer. O lance aqui é esse "tudo de novo vira começo". Recomeço. :-)

disse...

Oi querida... as vezes os dizeres dos outros dizem pela gente né?
Eu acho isso ótimo...
Beijos.

1worklover disse...

Ahn... recomeço básico.

"E é como se então de repente eu chegasse ao fundo do fim

De volta ao começo
Ao fundo do fim
De volta ao começo"