quarta-feira, 28 de março de 2007

A apalpadinha que rendeu

O Príncipe William, aquele que era gato mas que virou a versão loira do Kiko do Chaves com o passar dos anos, foi na buatchi bater cabelo (ops, bater calvície) outro dia. Causou frisson, é claro: mulher adora dar vazão ao furor uterino quando vê um macho alfa rico e famoso. Devem ter gritado, subido pelas paredes, arrancado os pentelhos. Afinal, ele pode estar bochechudo e bizarro, mas, ainda assim, é o príncipe. E quem não quer tirar uma casquinha da realeza, não é mesmo minha gente? Só que a mulherada ensandecida não contava com a astúcia real: quem tirou casquinha foi o príncipe. Tirou a foto com a mão inteira no peito de uma... brasileira! Leia aqui.

Se você clicou no link e leu a notícia, viu que a menina está no orkut com o nome de JaaDinHaa. Não só isso, ela escreve em alguma língua incompreensível, com muitos erros, TUDO EM CAIXA ALTA, sem acentuação (OH REALLY?) e muitos kkkk. O melhor é a frase "Em linguagem de internet, “kkkkk” é sinal de risos". Eu ri muito com essa frase. Não vou entrar no mérito da menina ter vendido a foto e a mãe dizer que ela é inocente. Você deixa o Príncipe William te fazer fom fom e VENDE a foto e depois é inocente? Arrãm. Inocente sou eu, que deixaria ele fazer fom fom (pessoal: ele é o PRÍNCIPE, okie?) e depois mandaria a foto só pras minhas amigas, provavelmente fazendo mil piadas. E só. Nem pensaria em fazer da buzinadinha um comércio.

O que me chama atenção nessa caso, além de praticamente tudo, é que as pessoas falam que a menina é brasileira. SORRY, não é. Isso aí veio do Planeta dos Miguxos. Aquele, vizinho ao Planeta dos Emos. Em ambos os planetas a linguagem é codificada com muitos "kkkkk", "HIAHUAHIAHU", repetição excessiva de vogais (linduuuuu, migaaaa), total ausência de pontuação e vírgulas, incapacidade de digitar ! e ? sem seguir de 1 ou / (oiieeee!!111111), incapacidade de usar o til (naum voh na sua festaaa migaa, to doentaum), troca do QUE e QUI por K (ti keruuuu), infantilização da linguagem (ti dóluuuuh linduuuu) e UsO De MaIusCuLas E MiNuScUlAs O TeMPo ToDo impossibilitando qualquer tipo de comprensão por nós, genuinamente brasileiros, alfabetizados e com o mínimo de bom senso.

Eu vou morrer, conversar com Jesus, descer pra bater um papo com o Capeta, reencarnar e virar poeira cósmica SEM entender de onde saiu essa porra de linguagem alienígena. E de onde saiu a idéia de que escrever assim é legal. Que rir kkkkkkkkkkkk é bacana. Ou que HiahUAhiahaiahUHU é risada. Pra mim, é convulsão. Erros de ortografia todo mundo tem, eloqüência nem todo mundo tem, mas ao menos TENTAR se comunicar DIREITO na sua própria língua é dever. Desculpaê, miguxas e miguxos, emos e emas, mas miguxês NÃO é bacana e NÃO é descolê. É só motivo pra muita gente (eu sou primeira!) tirar muito sarro. No meu caso, é caso pra eu tirar sarro e considerar a pessoa acéfala, mas isso sou eu e meu radicalismo.

E aí que quem levou a apalpadinha foi uma miguxa do Miguxos Planet, que não sabe nem falar Português, quem dirá Inglês. E eu aqui, sem apalpadinha real, sem dinheiro e escrevendo em blog.

A vida não é muito injusta?

6 comentários:

Klein disse...

Poderia ser pior, Gata: além de sem dinheiro e escrevendo em blog, eu nem tenho peitos para ter a possibilidade de ficar rico tendo-os apalpados um dia. Você ainda pode sonhar e tal...

Sabrina disse...

Eu não sou inocente. Se deixasse o príncipe fazer fom-fom (e se ele quisesse, é claro, ser desprovido que sou), eu venderia sim. Arre, já que já fizeram fom-fom, pelo menos vamos ganhar uma graninha às custas disso! E, não, eu não ia querer ser chamada de inocente - nem pela minha mãe. Mas, pelo menos, quando todos entrassem no meu orkut, veriam que eu sou brasileira mesmo, e escrevo na língua de Camões, tão bonita, ó pá.

lilla disse...

O fodíssimo da história é a menina fazendo "peace" enquanto o príncipe faz um fon-fonzinho descompromissado, ou seja, "deixei memo, e daí?", e vem a mãe dizer que ela é inocente.

Porra, fala logo que não vale nada e que queria mesmo era que ele desce uma apalpadinha mais embaixo, pelo menos eu ia achar a garota minimamente legal e true pra caralho.

Momento Descontrol disse...

Eu também venderia o fon-fon, se fosse o Willian a fazê-lo. Se fosse o Harry, eu ia tentar dar uma esticadinha pro castelo, porque o Harry é muito mais legal.

Fora isso, ti adoluuuuuuu muitaummmm, gatam,

Diabo disse...

Bater papo comigo? Opa!

dimi disse...

Nossa, é o Kiko mesmo!!