terça-feira, 4 de setembro de 2007

Petizada

Hoje passei quase em frente a uma escola onde fiz dinâmica de grupo (ARGH) e entrevistas para ser professora de Inglês de crianças de 2 a 10 anos. No meio do processo, outra escola me chamou para início imediato e eu escolhi o que era "lucrativo" (insiram mais aspas) e mais garantido. Mas hoje, passando por ali, lembrei-me por quê eu optei por dar aulas para adultos. As escolas geralmente ignoram que os tempos mudaram e musiquinhas infantis não agradam mais crianças de 8, 9 e 10 anos. E ficar cantando coisas sobre Páscoa e Natal, com direito a máscaras de cartolina e apresentação piegas pros pais não é algo que me dê algum tipo de satisfação. Sei lá, minha satisfação está em ver o Sol nascer e os pássaros cantarem, porque a vida é bela e a natureza, generosa (insira aqui uma ironia). Crianças fazem parte da vida bela e da natureza generosa e elas são legais, mas só até a página 15. Se precisar, eu dou aula para kids de novo. Mas, enquanto eu puder escolher, continuo com os adultos. Porque com crianças tem o mico de cantar "the wheels on the bus" enquanto elas te olham com maior cara de "DUH" do mundo. E também tem situações assim:

Época: Páscoa
Situação: ensaio de apresentação pros pais
Idade do garotinho peralta: 10 anos

Aluno: Teachê, this song is ridiiiiiiiculoooooous!
Eu: (concordando mentalmente, mas com cara de "estou fazendo a coisa mais legal do mundo"): Come on, it'll be fun to sing to your parents!
Aluno: Teachê, it'll be BAD. I don't like Easter!
Eu: Really? Why not?
Aluno: Easter is for kids. EU GOSTO É DE MULHER!
Eu: WOW! Agora vai ali colar o dente do coelho, vai.

Eu tive que que me segurar MUITO pra nao gargalhar e dizer "NHÓIM! Quero ter um filho assim!". Adultos falam um monte de bobagens desse tipo, mas com eles eu ao menos posso rir. E, se eu rir, eles não vão comentar com os pais dizendo que a teacher falou que "Coelhinho da Páscoa é brega".

5 comentários:

gi disse...

"WOW! Agora vai ali colar o dente do coelho, vai."

HADHADFHADFHA

Lorde David disse...

Adultos hoje em dia são tão infantilóides quanto as criancinhas. Com a diferença que, por serem mais velhos e dominarem os recursos do Excel, do Word e do PowerPoint e fazerem disso uma carreira, acham que têm razão em suas malcriações. Beijo.

lilla disse...

R...E-D \o/
também adoro crianças! fiz magistério pra estudar algum método eficaz de persuasão para atraí-las todas para o mesmo recinto e extermina-las :~

Klein disse...

O moleque sabe das coisas. Coelhinho, só se for o da capa da Playboy. Apoiado!

opiumseed disse...

A pior parte de ser criança é que você tem que viver segundo o que as pessoas ACHAM que você gosta e acha legal. Ignorando que as coisas mudam com o tempo.

Musiquinha fofa já não funcionava na minha época de 10 anos. Hoje então, nem se fala.

Qual o problema com roquenrou? As crianças gostam de roquenrou! Mas os pais ainda querem acreditar que eles vão ser "inteligentes" e só ouvir toquinho.

Uma vez eu fiz um teste. Pensando sobre o pq toca axé em festa de criança e elas gostam. Conjecturei sobre o rítmo frenético, o "canta comigo" e, possivelmente, a presença de alguns metais.

Hipótese: Crianças gostam de SKA.

Método: Fiz uma pequena coletânea de Ska, Skacore e afins para colocar numa festa de família quando ninguém estivesse olhando.

Resultados:
1 - As crianças dançaram como se nada tivesse mudado.
2 - Madness conquistou o caração delas nos primeiros acordes de Our House.
3 - Os adultos pediram para tirar.

Conclusão: Essa vida é uma merda mesmo, viu?