segunda-feira, 16 de julho de 2007

Mais sobre Grey's

Acabei a segunda temporada ontem. Entre lágrimas e soluços, que agora que eu vi que a mulherada toda chora, eu choro mesmo, como se não houvesse amanhã. Porque não há nada melhor do que se identificar um pouco com alguma coisa dramática pra liberar todos os bichos, bichas e tristezas, chorar copiosamente e ainda culpar o seriado. Acho perfeitamente cabível. Acabei de assistir à tarde e fiquei até à noite no site da ABC lendo todos os resumos de capítulos da terceira temporada. Porque não basta viciar, tem que ser nerd freak.

Preciso dizer que sou fã de carteirinha da Dr. Bailey. Ergo faixa e faço comunidade no orkut (comunidades no orkut são a expressão máximo do amor, né, jemt), se for preciso. Porque ela tem as melhores respostas, enfrenta o Chefe, enfrenta outros médicos, enfrenta pacientes, mas quando é necessário sabe ser "maternal" (com muitas aspas). Adoro a Addison, a Cristina e a Izzie. O George me irrita um pouco. McDreamy é, tipo assim, um sonho. Homem daquele jeito não existe, viu, meninas? É dream mesmo. MUITO dream. Agora, quanto à Meredith: adoro as narrações, adoro as conclusões, mas não entendo o furor que ela causa nos hômi. Ela é bonita, mas é uma beleza comum. Ela é legal, mas é isso: legal. Não é interessante, sabem. Não ao meu ver. Ela só é hardcore quando resolve dar para metade de Seattle, mas até aí, a perseguida é dela, né. Aí os bofescândalos caem por ela, morrem por ela. Por quê? Porque o mundo é injusto e geralmente as mulheres que são sem graça são justamente as que pegam os caras maravilhosos? E vocês, o que acham dos personagens?

Não vejo a hora de conseguir instalar o Bit Torrent e baixar a terceira temporada.

2 comentários:

lilla disse...

eu adoro tudo, e todos os personagens! mas devo admitir que a cristina é ÍDOLA. tô doente pela 3ª, mas ao contrário de vc não consigo ler nada a respeito. fico com as lombrigas loucas, mesmo.

nina disse...

Obrigada pelo comentário... Eu acompanho seu blog sempre que posso, e já tinha lido algo sobre sua mudança profissional. Me senti um pouco "confortada" por saber que havia mais alguem passando por situação semelhante... Mas como você mesmo disse, não importa quantas pessoas estão ao seu lado, nessa hora estará sempre sozinha... Afinal são experiencias únicas e sem a certeza de que terão finais felizes... Agradeço a dica sobre mudar o visual, acho que vou pensar em algo do genero... hehehehe.... Li agora sobre você ter conseguido um bom trabalho e fiquei contente. Porque sou uma esperançosa convicta e acredito que coisas boas devem acontecer a quem luta para conseguir. Espero que consiga mais... Boa sorte também!!!